Peixe de Aquário

22 outubro 2006

Sobre A Balada Literária

Não sei por onde começar para contar sobre a jornada da Balada Literária de ontem... talvez pelo fato que a noitada acabou cedo de tanto que o evento exige desses escritores, hehe.
..
Nossa mesa foi bem agitada: o Douglas Diegues com su verve característica insistiu em criticar nossos jornais que dão pouco destaque para poesia hoje – não vou reproduzir tudo, quem viu, viu, o Ademir segurou bem as pontas como mediador, o Nicolas falou de Brasília e Brazília, o Paulo Scott pontuou nas quinas de mesa. Respondi como pude tudo. As leituras foram boas e engraçadas: quem nunca ouviu Douglas Diegues lendo, precisa ir ver, com su portuñol selvagem.
..
A mesa sobre poesia argentina com o Joca, Marcelo Barbão, Cristian de Nápoli (que tá falando português melhor que eu) e Juana Bignozzi foi animal. Juana é uma grande dama da poesia argentina, Joca comparou-a com Ferreira Gullar, e arrepiei de ouvir suas opiniões muito firmes: com ela não tem essa que o muro caiu e agora o mundo é um só. Ela foi militante comunista e participou do movimento El Pan Duro ("o pão amanhecido"), o qual por mais que não tivesse unidade estética, possuía unidade ideológica forte. Gostei muito que comentou sobre a questão da poesia confessional de hoje, pois é um tipo de experiência individual a qual não nos traz nada de especial e que de certa maneira devemos superar isso. O Cristian falou sobre a influência do inglês na poesia, condenou a citação de versos inteiros em inglês em um poema, que isso seria uma atitude provinciana - o que arrancou risadas da platéia (pergunta que não quer calar: e Depeche Mode, pode?, hahá). Também comentou sobre a vida de Buenos Aires com a afluência de imigrantes paraguaios, peruanos, coreanos, e a decadência do ensino público. Foi muito bom mesmo. Em resumo: demoliremos o Muro de Tordesilhas que nos separa de nossos irmãos.
..
Na Praça Roosevelt estavam milhões de pessoas e os Parlapatões ferveram bem. As leituras não foram possíveis (até a hora em que fiquei) por conta da algazarra generalizada. Hum, digo que adorei ter conhecido vários visitantes, como a Cidinha da Silva, o Bruno Brum, o Marcelo Sahea, a Josiane Bosqueiro – lerei todos com o devido carinho – além, claro, de te reencontrado o povo carioca da Bagatelasch que são sempre ótimos, e ter conhecido pessoalmente o Galera, com a confirmação que mora em São Paulo. E ver os velhos amigos de todas as noites também é bom, claro.
..
A boa nova é que tramando com o Paulo Scott, acho que o nosso tão sonhado encontro latino-americano vai rolar em maio do ano que vem, no Sul, aguardem.
..
Um poema da leitura do Nicolas Behr:

brasília nasceu
de um gesto primário
dois eixos se cruzando,
ou seja, o
próprio sinal da cruz

como quem pede benção
ou perdão

5 Comentários:

  • Ana, tô adorando teu blog!

    Vergonha confessa: eu não conhecia...

    Tô linkando.

    Ah, desencana para o tom confessional... Faço coro com o Edu Lacerda: eu tb queria!
    (Se bem que acho que esse bicho já me mordeu de vez... sei lá...)

    E, só para terminar: adorei saber um pouco mais sobre como foi a balada...
    Vida corrida, não deu para eu ir.

    (Absurdo em tempo: eu trampo e estudo em Sampa, e ainda não tomamos café?!)

    Beijo prá ti!

    By Blogger Beatriz Galvão, at 10:21 PM  

  • ah, que bom que descobriu então, mulher!

    sim, sim, vergonha, mas a cidade tb é meio labirinto, né?! te escrevo e a gente acaba com essa palhaçada.

    beijinhos

    By Blogger ana rüsche, at 2:05 PM  

  • Oi Ana,
    participei desse encontro e,achei interessantes as poéticas e as pontuações dos convidados.Também oportuna e corajosa a "insistência" de D.diegues com relação a ganhar mais espaço( não destaque)para a poesia nos jornais mais lidos do país.E isso, me parece, vale pra todo o âmbito cultural. Afinal, não somos só pan y circo.
    Abraços e, gracias por este espaço.

    By Anonymous Vera Caetano, at 3:25 PM  

  • Anaaaaaaa
    gostei das fotins, ó, existir no virtual...depois quero te mostrar a séries "Vôos", tá?

    By Anonymous Dani, at 7:10 PM  

  • oi, vera!

    bom vc ter colocado isso. longe de mim achar que a discussão do douglas é bobagem ou infrutífera e temos sim que brigar por espaço. cada qual de sua maneira.

    passarei para te dar um "oi" no teu link.

    e dani! claro que quero ver!! mandaê.

    beijos às duas

    By Blogger ana rüsche, at 12:16 AM  

Postar um comentário

Links a esse post:

Criar um link

<< Home